A Cliever, empresa gaúcha que desenvolveu uma impressora 3D de alta precisão com custo acessível, já vislumbra cenário em que equipamentos não serão vendidos e sim, compartilhados.